Outros tratamentos

O que seria a dermatologia esportiva?

Se você pratica esportes, sabe que é necessário ter saúde plena para garantir alto rendimento e melhores resultados, não é mesmo?

Qualquer alteração nas peles, unhas ou cabelo pode interferir, tanto na saúde física, na realização das atividades, quanto na saúde mental, atrapalhando a autoestima e a autoconfiança.

Por isso, o profissional da área de dermatologia é essencial para auxiliar o esportista, seja profissional ou amador, a encontrar sua melhor forma e rendimento.

Além disso, muitas doenças de pele são mais comuns nos atletas, como as micoses, as calosidades e aquelas decorrentes do uso de suplementos e da modulação hormonal. Por isso, o estudo da dermatologia esportiva é tão necessário para quem busca maior rendimento nos treinos.

Quando procurar um dermatologista que atua dentro da medicina esportiva?

A prática esportiva pode deixar algumas pessoas sujeitas a alterações dermatológicas. 

Caso note alguma das situações a seguir, é aconselhável procurar ajuda médica:

  • Transpiração intensa, mesmo fora dos treinos;
  • Assaduras decorrentes do atrito entre as roupas e a pele;
  • Exposição solar excessiva;
  • Presença de micoses nas pernas, virilhas, pés e unhas;
  •  Aumento de vasos sanguíneos em áreas expostas;
  • Manchas escuras;
  • Feridas que não cicatrizam;
  • Aumento de oleosidade da pele e de espinhas;
  • Queda de cabelos;
  • Surgimento de pelos em áreas que antes não existiam;
  • Presença de infecções bacterianas;
  • Flacidez e envelhecimento precoces.

Por que procurar um dermatologista que atua dentro da medicina esportiva?

A primeira pergunta a ser feita é: seu corpo é importante para a prática esportiva que realiza?

Provavelmente a resposta é sim, certo? Afinal, para a prática de esportes, é necessário que o corpo esteja em ótima forma, para poder ter o maior rendimento possível.

Além disso, tanto o treinamento quanto as competições podem deixar o atleta ainda mais exposto à radiação solar, a alguns tipos de microorganismos (principalmente fungos e bactérias), à umidade constante de piscinas e roupas de treino suadas.

Equipamentos compartilhados em academias também podem transmitir alguns agentes através do contato direto com superfícies infectadas, causando infecções de pele.

Pele úmida e abafada por roupas, contato direto entre pessoas durante a prática esportiva, pequenas lesões e ferimentos são apenas alguns exemplos de condições que os atletas vivem constantemente e que podem propiciar o desenvolvimento de doenças.

Por isso, para garantir alto rendimento e bem-estar, é essencial contar com um dermatologista atuante na esfera esportiva.

Entre em contato para agendar sua consulta!

Blog

Confira artigos sobre saúde e bem estar

A pele é o maior órgão do corpo humano e está constantemente exposta a agressores

A prática esportiva, tanto profissional como amadora, traz inúmeros benefícios para a saúde dos praticantes.

Alopecia é a perda anormal de cabelo em determinadas áreas do couro cabeludo ou do